Strikeforce – Retrospectiva 2010

Uma retrospectiva de todos os eventos realizados pelo Strikeforce no ano de 2010.

StrikeforceNo ano de 2010 o Strikeforce cresceu, como o mundo do MMA cresceu. Mas foi um ano com alguns acontecimentos marcantes, tanto bons quanto ruins, mas sem dúvida nenhuma foi um ano para consolidação do evento, com 8 eventos realizados durante o ano. O evento veio disputar com o UFC, e muitos dizem que dará trabalho, mas a concorrência é boa. Vamos ver o que rolou.

Strikeforce: Miami

Cris Cyborg

Cris Cyborg

O primeiro evento do ano aconteceu no dia 30 de janeiro, e veio com tudo. Na luta principal o cinturão dos meio-médios em jogo, para definir o primeiro campeão da categoria, e quem levou foi Nick Diaz. Na luta feminina da noite, a primeira defesa do cinturão da brasileira Cris Cyborg durou três rounds, quando ela manteve o cinturão ao vencer por TKO. Ainda neste evento aconteceu a estréia de Herschel Walker, um ex-jogador de futebol americano de sucesso, que venceu por TKO, mesmo estreando com 47 anos. Bobby Lashley também lutou e manteve-se invicto na modalidade, cravando um cartel de 5-0.

Strikeforce: Nashville

Jake Shields vs Dan Henderson

Jake Shields

O segundo evento do ano, que rolou no dia 17 de abril, foi muito polêmico. O evento marcou a estréia de ninguém menos que Dan Henderson, que disputou o cinturão dos médios com Jake Shields. Nesta luta Dan Henderson quase nocauteu Shields no primeiro round, mas foi só, pois nos quatro rounds seguintes Shields massacrou Henderson com um jogo de quedas e ground’n'pound. Mas o que marcou o evento foi o que aconteceu depois, quando Shields dava entrevista Jim Miller, que havia perdido pra Shields, teve acesso ao octógono e deu inicio a uma confusão e pancadaria. Após o acontecido, Jake Shields assinou contrato com o UFC. No evento teve ainda mais duas disputas de cinturão, no peso leve Gilbert Melendez manteve o cinturão e no meio-pesado quem levou o cinturão foi “King Mo’’ Lawal.

Strikeforce: Heavy Artillery

Roger Gracie vs Randleman

Roger Gracie finalizando Randleman

Esse evento foi sensacional para os brasileiros. Das 5 lutas do card principal, 4 tinham brasileiros, e os 4 venceram suas respectivas lutas. A data era 15 de maio, na luta principal o campeão do peso-pesado, Alistair Overeem demoliu seu adversário e manteve seu cinturão. Antonio Pezão venceu por decisão unânime, Jacaré também venceu por decisão unânime e Rafael Feijão venceu por nocaute no primeiro round. E ainda teve a estréia de Roger Gracie, vencendo com uma linda finalização por mata-leão.

Strikeforce: Los Angeles

Marius Zaromskis vs Evangelista Cyborg

Evangelista Cyborg

Quarta-feira, 16 de junho, estréia da seleção da Espanha na Copa do Mundo e só, certo? Errado. Tivemos mais uma edição do Strikeforce, que contou com duas lutas de brasileiros, Renato Babalu e Evangelista Cyborg. Renato Babalu que fez a luta principal da noite venceu Robbie Lawler por uma decisão apertada dos juízes, todos marcaram 29-28. Já Evangelista Cyborg precisou de apenas 2:38 para aplicar um impressionante nocaute em seu adversário, Marius Žaromskis, campeão do DREAM.

Strikeforce: Fedor vs. Werdum

Fedor vs Werdum

Werdum finaliza Fedor

No dia 26 de junho muitos fãs de MMA ficaram de boca aberta e abismados ao verem o grande lutador, considerado por muitos o melhor lutador de todos, Fedor Emelianenko ser finalizado rapidamento por Fabrício Werdum, foram necessários apenas 1:09 para Werdum pegar Fedor no triângulo. Uma vitória espetacular que repercutiu no mundo inteiro. Neste evento Cris Cyborg defendeu por mais uma vez, e com sucesso, o seu cinturão contra Jan Finney, vencendo por TKO.

Strikeforce: Houston

Rafael Feijão

Rafael Feijão

Dois cinturões em uma só noite. Isso mesmo, o dia 21 de agosto proporcionou dois novos campeões para o Brasil: Rafael Feijão e Ronaldo Jacaré. Rafael Feijão chocou a todos no evento ao aplicar um nocaute espetacular no, então, campeão “King Mo” Lawal. Já Jacaré venceu na decisão por pontos o americano Tim Kennedy, ficando com o cinturão dos médios que não tinha dono. Ainda no evento tivemos a derrota de Jorge Gurgel. Em luta transmitida pelo Sherdog, André Galvão venceu Jorge Patino Macaco via TKO.

Strikeforce: Diaz vs. Noons II

O evento aconteceu em San Jose, Califórnia, no dia 9 de outubro, colocando frente a frente Nick Diaz, atual campeão, contra KJ Noons, o desafiante. Essa luta era um reencontro, já que eles já haviam lutado anteriormente, porém a luta havia sido interrompida devido a um corte na cabeça de Diaz. No reencontro, Diaz manteve o cinturão na decisão unânime. Dois brasileiros lutaram e perderam no evento, foram Gesias Cavalcante e André Galvão.

Strikeforce: St. Louis

Antonio Pezão

Antonio Pezão

No último evento do ano, uma grande luta foi preparada, Dan Henderson vs Renato Babalu. Henderson foi com tudo pra cima de Babalu e nocauteou o brasileiro no primeirou round, aos 1:53. Antonio Pezão se apresentou na mesma noite e obteve mais uma vitória em sua carreira, por TKO contra Mike Kyle. Este evento marcou a estréia de Paul Daley, que foi expulso do UFC após atingir Josh Koscheck depois do fim da luta, numa atitude anti-esportiva.

Este foi um ano muito bom para os brasileiros no evento, esperamos mais no próximo ano! Até 2011!

Deixe um Comentário